• Marchi e Boulos

5 Coisas que você precisa saber para ser uma Franqueadora/ Franqueador






Se você é proprietário de uma marca/negócio de sucesso e pretende expandir a sua atuação no mercado consumidor, o que será falado aqui é para você.


Primeiramente, é importante dizer que, se a ideia for a expansão do negócio, o franchising é uma ótima alternativa. No entanto, apesar dos inúmeros benefícios de ver o negócio/marca crescendo, há também questões a serem observadas, tais como o fato de, tendo a rede apenas um único proprietário, toda a responsabilidade pela gestão recairá sobre essa pessoa, de modo que, por isso, é essencial que se faça uma análise sobre o negócio e sobre as pessoas que entrarão ou não nesse projeto.


Dito isso, aquele que pretende franquear precisar saber e analisar:


1 – Como está a parte financeira da empresa. Se o empresário pretende franquear um negócio, ele precisará refletir sobre a estrutura financeira da empresa e a sua capacidade de investimento no modelo de negócio. Tudo isso porque, quando se pretende franquear, é imprescindível que a base da empresa franqueadora seja sólida e bem equilibrada - caso contrário, na primeira oportunidade, a rede apresentará falhas e não conseguirá oferecer o suporte necessário aos seus franqueados;


2- Você sabia que a marca do negócio precisa estar registrada no INPI para que ela esteja protegida de cópia ou de utilização parasitária por outras empresas? É fundamental que, antes de o empresário franquear o seu negócio, ele se resguarde quanto à marca e à identidade visual do negócio, realizando o registro perante o órgão competente (INPI);


3- Diferenciais. Quais são as características que só o seu negócio tem? Analise se a sua marca tem um diferencial, algo novo, um serviço que ninguém faça ou, caso faça, não seja da mesma forma que a sua marca faz. Esse ponto é importantíssimo, porque diferenciará o seu produto/serviços dos demais já existentes no mercado;


4- Transmissão do know-how da franqueadora/franqueador aos seus franqueados. Você sabe o que é isso? É a capacidade de se replicar as estratégias de um negócio. Para que uma rede de franquias tenha sucesso, o know -how da franqueadora deve ser repassado para os seus franqueados de forma clara e padronizada.

Nesse sentido, é importante deixar registrado que, caso o empresário não esteja disposto a transmitir os seus conhecimento e expertise para a rede, pode ser que o perfil não se encaixe com o franchising e talvez franquear o seu negócio não seja a melhor opção.


5 – Questões jurídicas. Você sabia que existe uma lei específica para regulamentar à relação de franquia? Por isso é importantíssimo que o empresário se atente aos documentos que devem ser enviados aos pretensos franqueados e, principalmente, se esses documentos, por exemplo a Circular de Oferta de Franquias (COF) e o Contrato de Franquia refletem, de fato, o que o seu negócio faz e oferece aos franqueados da rede.


Portanto, caso tenha interesse em franquear o seu negócio, não deixe de se atentar aos pontos acima e, o que é mais importante, contar com profissionais qualificados comercial e juridicamente para assessorá-lo!



1 visualização0 comentário